O orgulho da Dança de Rua

0

A cada dia que se passa, estamos a busca de novas técnicas de treino que resultem em evolução, ao longo dos anos o breaking tem sido um dos elementos do Hip Hop que mais tem passado por transformações, isso devido as buscas incensantes de bboys que promovem a evolução, é importante ressaltar que a evolução sempre deve acompanhar os fundamentos básicos.

danca-de-ruaDesde que surgiram os grandes compeonatos mundiais, resulsentes na mídia miestream, um novo cenário é apresentado as gerações futuras de breaking. E isso faz com que a dança breaking fique mais vísiveis aos grandes números de projetos desenvolvidos por ONGs e orgãos governamentais, para fins de usar o breaking como ferramentas de atração para uma grande variedade de jovens de diferentes camadas sociais. Mas o que muitas pessoas têm esquecido, e de tratar a dança como um instrumentos de reeducação, onde pode-se atravez dela dar disciplina, respeito, educação, laços de amizade e trabalhar em grupo. A imagem que muitos lideres têm passado sobre a dança de rua, não é que seje algo negativo, mas que eles só citam que a dança surgira nos conflitos entre gangues, eram praticadas por marginais, drogados, etc.

Uma cultura que tem suas raizes arraigadas nas camadas discriminadas,  que durante muitas décadas, grandes nomes lutaram para que esses preconceitos fossem rompidos de vez, não compensa que ainda hoje quando se fala em dança de rua, só façam citações dos problemas sociais que a mesma enfrentou, esquecendo assim, o quando hoje ela é benéfica, quanto muitos hoje se sobressaem atravez dela.

É necessário que nós podemos nos orgulhar de ter uma cultura tão rica, e que ao nos referimos à ela possamos mostrar o quanto somos guerreiros, em vista de ter passados por quão grande discriminação, sem ter mídia ou politicagem impondo nossos deveres, com devemos nos expressarmos, chegando ao um âmbito que hoje podemos dizer que a cultura breaking atingiu seus patamares, e somos os responsáveis por esses movimentos.

“Por cultura entendo a mais intensa vida interior, a de mais batalha, a de mais inquietação, a de mais ânsia.”

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here